sexta-feira , 21 julho 2017
Home / Campo Grande / Incêndio na favela “Esperança” deixa dois barracos completamente destruídos

Incêndio na favela “Esperança” deixa dois barracos completamente destruídos

Barracos da Comunidade Esperança ficaram completamente destruídos em incêndio nesta tarde (13). (Foto: Amanda Bogo)

 

Um incêndio ocorrido na tarde desta quinta-feira (13) deixou dois barracos da Comunidade Esperança, no Jardim Noroeste, em Campo Grande, completamente destruídos. Ninguém ficou ferido.

O fogo teve início em um dos barracos, por volta das 15h30, e rapidamente se alastrou para a moradia vizinha.

“Escutei estalos fortes e corri para ver o que era. Não tinha água para apagar e o fogo atingiu minha casa muito rápido. A sorte é que consegui salvar alguns móveis e eletrodomésticos”, contou Bruno Ibanhez Cavalheiro, 23, autônomo, que mora há 3 anos no barraco com a irmã e a mãe.

Bruno observa o que sobrou de seu barraco. “Iremos reconstruir nossas vidas aos poucos”. (Foto: Amanda Bogo)

Toda a família estava em casa no momento do incêndio, mas ninguém ficou ferido. Ele perdeu três camas, sendo uma beliche, roupas e uma caixa de som. “Para conter o fogo e não destruir um terceiro barraco, a gente teve que quebrar cercas e telhas”, lembra.

“Hoje, iremos dormir na casa de amigos e, amanhã voltaremos para reconstruir nossas vidas aos poucos”, espera.

O proprietário do barraco onde o fogo começou mora sozinho e não estava no local no momento do incidente. Segundo testemunhas, ele chegou logo depois, mas resolveu ir embora ao ver toda a casa e seus móveis, roupas, bicicleta, fogão, máquina de lavar, totalmente consumidos pelas chamas.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e controlou as chamas por voltas das 16h. A suspeita é de que o fogo tenha começado no banheiro do barraco. As causas do incidente não foram divulgadas.

Por: Anahi Gurgel e Amanda Bogo / CG News

Veja Também

Agentes penitenciários federais de Campo Grande pedem mais segurança no trabalho

Uma grupo de 100 agentes penitenciários federais de Campo Grande fizeram uma manifestação na frente ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *