quinta-feira , 5 dezembro 2019
Home / Esportes / Após crítica de Messi, Arena do Grêmio explica condição ruim do gramado na Copa América

Após crítica de Messi, Arena do Grêmio explica condição ruim do gramado na Copa América


Foto: Vinicius Costa/BP Filmes
As críticas de Lionel Messi e Luis Suárez ao gramado da da Arena do Grêmio na Copa América repercutem com explicações. Em nota divulgada nesta segunda-feira, a Arena Porto Alegrense, responsável por administrar o estádio gremista, admite a baixa qualidade do campo e a atribui a dois fatores: o clima e a frequência de uso.

De acordo com as explicações, as altas temperaturas registradas em Porto Alegre nesta época do ano prejudicaram o desenvolvimento da grama de inverno plantada no campo.

Além disso, a Arena justifica os problemas ao volume de atividades realizadas no gramado entre 14 e 23 de junho. Segundo a nota, o campo foi utilizado sete vezes neste período: em três jogos (Peru 0 x 0 Venzuela, Uruguai 2 x 2 Japão e Argentina 2 x 0 Catar), três aquecimentos pré-jogo e um treino de reconhecimento.

Messi criticou o gramado da Arena — Foto: Pedro Vilela / Getty Images

Vale lembrar um detalhe: a Arena do Grêmio ficou 16 dias sem ser utilizada para atividades relacionadas a futebol. O período de inatividade serviu justamente para o estádio se preparar para receber a Copa América.

O Grêmio atuou pela última vez em sua casa em 29 de maio, na vitória por 3 a 0 sobre o Juventude, pelo jogo da volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Depois, a Venezuela treinou na Arena em 14 de junho, véspera da estreia na Copa América, com empate em 0 a 0 com o Peru.

O primeiro a criticar o gramado da Arena foi Suárez. Após o empate em 2 a 2 do Uruguai com o Japão, o uruguaio disse que os campos da Copa América não estão em bom estado.

Acuña rola para a chegada de Messi, mas camisa 10 isola a bola, aos 27′ do 2º Tempo

Depois, no último domingo, Messi atraiu ainda mais atenção às condições do gramado após isolar uma chance de gol já dentro da área. O camisa 10 atribuiu o erro ao campo e disparou contra as condições em todos os estádios em que a Argentina atuou.

– A bola quica mal. O campo estava muito ruim. Todos os gramados em que jogamos estavam muito ruins. É muito difícil de jogar, precisa de tempo para parar a bola, mas temos que passar por isso para conseguir jogar – disse o craque.

A Arena volta a receber uma partida da Copa América nesta quinta-feira, às 21h30, quando o Brasil enfrenta um adversário ainda a definir pelas quartas de final. Nesta manhã, Tite foi ao estádio conferir pessoalmente as condições do campo. Depois, o estádio gremista se despede da competição com um duelo da semifinal.

Confira a íntegra da nota da Arena do Grêmio

“A Arena do Grêmio esclarece que as condições do gramado dependem de algumas variáveis. A combinação de duas delas em particular tem retardado a recuperação plena do mesmo:

A primeira e mais importante é relacionado ao clima. A Ryegrass (grama utilizada no inverno) se desenvolve melhor em temperaturas mais baixas, o que não está ocorrendo em Porto Alegre neste período. Aliada ao sombreamento do inverno (metade do campo), as temperaturas estão mais elevadas, retardando o desenvolvimento da mesma e a sua recuperação pós atividades.

A segunda refere-se justamente à frequência do uso do gramado: Pelas características da competição, durante o período de 14 a 23 de junho o gramado foi utilizado em sete ocasiões (três partidas, um treino de reconhecimento e três treinos de aquecimento no pré-jogo). Os treinos exigem muito do gramado e o afetam de forma heterogênea, apresentando mais desgastes em algumas áreas do campo, dependendo das atividades realizadas.

Estas duas variáveis em concomitância tem contribuído para uma recuperação mais lenta do nosso gramado. Estaremos empenhados e realizando os manejos adequados para alcançar as condições necessárias para a pratica do melhor futebol em nossa arena”.

Por GloboEsporte.com

Veja Também

Suárez cita trinca de atacantes que recomendaria ao Barcelona

Líder da La Liga e já classificado para o mata-mata da Champions League, o Barcelona está prestes a terminar o ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.