quarta-feira , 25 novembro 2020
Home / Destaques / Avalanche nos Alpes franceses arrasta estudantes e deixa mortos

Avalanche nos Alpes franceses arrasta estudantes e deixa mortos

 

Equipes de resgate se reúnem para trabalho de busca por desaparecidos em local em que houve uma avalanche nesta quarta-feira (13) nos Alpes franceses (Foto: STRINGER / AFP)
Equipes de resgate se reúnem para trabalho de busca por desaparecidos em local em que houve uma avalanche nesta quarta-feira (13) nos Alpes franceses (Foto: STRINGER / AFP)

 

Uma avalanche arrastou 10 adolescentes e um professor nesta quarta-feira (13) em uma estação de esqui nos Alpes franceses. A polícia confirmou que o acidente deixou três mortos: dois estudantes e um esquiador que não pertencia ao grupo e portava documentos ucranianos.

Outros três esquiadores ficaram gravemente feridos: dois adolescentes que foram resgatados por socorristas com parada cardíaca, e o professor que os acompanhava, que foi encontrado inconsciente com politraumatismos. Seu estado de saúde ainda não foi revelado.

O acidente ocorreu em uma pista de esqui que estava fechada na estação chamada Les Deux Alpes, a sudeste da cidade de Grenoble, no departamento francês de Isère. Equipes de resgate estão no local com cães e helicópteros, reporta a rádio France Blue. Dois helicópteros da defesa civil, um deles equipado com uma câmera térmica para localizar outras possíveis vítimas, também estão no local.

O grupo de estudantes e o professor são de uma escola de Lyon, segundo a France Presse.

“À priori, nós resgatamos todo mundo do passeio escolar, mas as buscas continuam para garantir que não haja outras vítimas de fora do grupo escolar”, declarou à AFP o prefeito de Isère, Jean-Paul Bonnetain, destacando que nenhum outro aluno foi reportado como desaparecido.

Após as primeiras nevascas significativas da temporada, no início de janeiro, as autoridades advertiram contra o risco elevado de avalanches nos Alpes franceses.

Desde o início de janeiro, quatro pessoas morreram em avalanches: dois alpinistas lituanos mortos em 3 de janeiro em Haute-Savoie, um esquiador espanhol e um esquiador checo em 5 de janeiro em Savoie.

 

Fonte: G1

Veja Também

Senado mexicano aprova legalização da maconha

Se aprovada pela Câmara e sancionada pelo presidente, lei permitirá o uso recreativo, científico, médico ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.