Home / Mato Grosso do Sul / Bonito vai ganhar caminhão para combater incêndios no aeroporto

Bonito vai ganhar caminhão para combater incêndios no aeroporto

 

FOTO: DIVULGAÇÃO
FOTO: DIVULGAÇÃO

A cidade de Bonito vai ganhar, ainda neste ano, um caminhão especializado no combate a incêndios em estabelecimentos aeroportuários no valor de R$ 1,2 milhão.

O trabalho do deputado federal Giroto (PMDB) junto à Secretaria de Aviação Civil (SAC) garantiu a compra de dois caminhões de combate a incêndio nos aeroportos de Dourados e Bonito (MS). Ao todo serão investidos R$ 3,250 milhões, sendo R$ 3,087 milhões da União e R$ 162,5 mil de contrapartida do Governo do Estado.

De acordo com o parlamentar, a proposta cadastrada no Sinconv (Sistema de Convênios do Governo Federal) no dia 26 deste mês garante a compra, com a vigência do convênio entre 20 de dezembro e 20 de junho de 2014. “Este recurso foi assegurado depois de conversas que tive na SAC nos últimos meses após explicar a que a demanda tem crescido nestes dois aeroportos e a necessidade em garantir a segurança dos usuários”, destacou o parlamentar.

Com R$ 1,2 milhão será comprado um caminhão para ser usado no combate a incêndio no Aeroporto de Bonito. “Com o veículo, a seção contra incêndio do Aeroporto de Bonito terá condições de atender aeronaves com até 140 assentos. Atualmente são dois voos semanais e um fretado, sendo que entre 2009 e 2011 houve crescimento de 246% no número de passageiros, passando de 3.034 para 10.485 passageiros neste período”, comentou o deputado. O caminhão tem o valor de R$ 1,8 milhão por ser específico para combater incêndio em aeródromos.

 

Fonte: Fátima News

Veja Também

Casal é agredido e mantido em cativeiro durante roubo a veículo

Macroanel de Campo Grande, próximo ao antigo lixão, onde casal foi deixado (Foto: Marina Pacheco/Arquivo) ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.