Home / Campo Grande / Calendário vacinal contra Covid-19 agora é fixo à rotina dos postos de saúde em Campo Grande

Calendário vacinal contra Covid-19 agora é fixo à rotina dos postos de saúde em Campo Grande

A população campo-grandense não precisa mais esperar a divulgação diária do calendário vacinal contra Covid-19 para receber a vacina. A partir desta quarta-feira (4) os cidadãos podem encontrar o imunizante nos postos de saúde da Capital. 

As datas podem ser conferidas na própria “carteirinha de vacinação” e no site da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau). 

Além do dia e faixa etária contemplada, é necessário que a população confira os locais onde os imunizantes estão disponíveis. Para isso basta acessar o site ou o Instagram oficial da Secretaria. 

O secretário municipal de saúde, José Mauro Filho, ressalta que a mudança exige maior atenção da população, que agora, é a responsável por conferir onde receberá a vacina e comparecer à Unidade Básica de Saúde (UBS) onde a dose está disponível. 

“Desde o início da campanha da vacinação temos divulgado calendários diários que dizem a data exata de cada uma das doses. Essa informação ainda está disponível no informe que está divulgado no site, porém o paciente deve acompanhar”, pontua. 

De acordo com a pasta, toda a população a partir dos cinco anos já pode receber a primeira dose do imunizante. Assim que recebe a vacina o cidadão já fica sabendo a data exata da próxima aplicação, exposta no documento entregue. 

A terceira dose está disponível para pessoas com 12 anos ou mais, que possuam algum imunocomprometimento, e para a população em geral a partir dos 18 anos. 

Já a Quarta dose é oferecida apenas para pessoas com 50 anos ou mais, trabalhadores da área da saúde e pessoas com 18 anos ou mais que possuam algum imunocomprometimento. 

Além das UBSs, a vacinação também acontece na Seleta e na clínica Escola UFMS. 

Confira onde encontrar a vacina contra Covid-19:

NATÁLIA OLLIVER

Por Correio do Estado

Veja Também

Início da temporada de ‘fogos em terrenos’ acende alerta e responsável pode receber multa de R$ 10 mil

Henrique arakaki Somente no ano passado, Campo Grande registrou mais de 1 mil incêndios em ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.