sábado , 28 novembro 2020
Home / Mato Grosso do Sul / Comerciante da Capital pesca dourado “gigante” e garante que é o maior do Brasil

Comerciante da Capital pesca dourado “gigante” e garante que é o maior do Brasil

Enio segurando o peixão ao lado do amigo e guia de pescaria. (Foto: Arquivo Pessoal)
CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

O comerciante campo-grandense, Enio Neto, de 30 anos, está que não se aguenta de felicidade. Na última quarta-feira (21) ele pescou um dourado de 1,04 metro que ele jura, é o maior do Brasil.

Mas independente do possível recorde o que fica de mais importante é a lembrança de um momento único para qualquer apaixonado por pescaria. “É indescritível, só de lembrar eu já fico arrepiado. Foi sensacional, eu nunca havia pescado um peixe desse tamanho”, comemora.

Enio conta que pegou o peixão no segundo dia de pescaria pelo Rio Dourados, no trecho que passa por Fátima do Sul. “É uma região que já é conhecida por ter peixes ‘gigantes’, mas eu nunca imaginei que seria possível pegar um tão grande. É difícil pegar um desses porque eles escapam facilmente, ainda mais no meu caso que uso isca artificial”, pontua. Mas aquele era o seu dia de sorte.

Depois de fisgado o peixe, Enio conta que “lutou” com o dourado por cerca de 15 a 20 minutos. “Fui cansando ele aos poucos”, comenta. Quando ele e outros dois amigos, enfim, conseguiram retirar o peixe da água, não escondera a emoção. Em vídeo os amigos aparecem comemorando a captura do peixe como se fosse final de copa do mundo.

Mas Enio explica que tão bom quanto pescar o dourado foi devolvê-lo “para a vida”. “Somos adeptos da pesca esportiva, sequer pesamos ele para não correr o risco de machucar, mas acredito que ele devia ter uns 17 quilos”, comenta.

No Instagram a página Droopliter Fishing – que é dedicada a divulgação da pesca esportiva e tem mais de 18,4 mil seguidores – também confirma que até o momento o dourado pescado por Enio é o maior do país.

O comerciante brinca que até já está ficando famoso pelo feito. Com as fotos e vídeos da pescaria circulando em grupos e perfis de redes sociais sobre a pesca esportiva, “já teve gente até pedindo para tirar foto”, ele ri. “Mas é sempre bom frisar que não é necessário viajar para outros estados, outro países para aproveitar esse esporte, sendo que aqui nós temos essas riquezas que devem ser preservadas”, opina.

Por Adriano Fernandes – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

Veja Também

PCC sequestra 6 e reinicia guerra pelo controle do tráfico na fronteira com Paraguai em MS

(Arquivo) A guerra pelo controle do tráfico de drogas e armas iniciou uma ofensiva na ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.