Home / Mundo / Embaixador do México em Buenos Aires tenta furtar um livro e é convocado a voltar para seu país

Embaixador do México em Buenos Aires tenta furtar um livro e é convocado a voltar para seu país


Imagem da fachada da livraria El Ateneo, em Buenos Aires; o embaixador do México foi detido por tentar furtar um livro — Foto: Reprodução/Google

O embaixador do México na Argentina, Oscar Ricardo Valero Recio Becerra, de 76 anos, é acusado de tentar furtar um livro em Buenos Aires e voltará ao seu país por ordem do ministro de Relações Exteriores mexicano.

O caso aconteceu em uma livraria famosa da capital argentina, El Ateneo, no dia 26 de outubro –o caso, no entanto, só foi revelado no domingo (8) pelo site Infobae.

O livro é a biografia de Giacomo Casanova, um autor e aventureiro italiano que viveu no século XVIII e que ficou conhecido por ter mantido muitas relações amorosas. O preço que a loja cobra pelo item é de 590 pesos, ou cerca de R$ 41.

As câmeras da loja gravaram a movimentação do diplomata. Ele pegou o livro da prateleira e o escondeu entre as páginas de um jornal. Depois, colocou os itens em uma sacola plástica.

Os seguranças da livraria abordaram Becerra depois que o alarme da loja soaram. Eles pediram para ver o recibo da compra e descobriram que ele pretendia sair sem pagar. Os funcionários então chamaram a polícia.

Os agentes interrogaram o diplomata no local. O caso foi levado para a Justiça, que mandou liberar o embaixador.

Becerra tem imunidade na Argentina: ele não pode ser processado, julgado ou preso. Se as autoridades argentinas quisessem poderiam pedir para que o México retirasse os benefícios diplomáticos dele.

Ele era o embaixador em Buenos Aires desde o dia 15 de julho, escolhido pelo presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador.

Marcelo Ebrard, ministro de Relações Exteriores do México, convocou o diplomata.

Por G1

Veja Também

Boris Johnson está infectado com o coronavírus

O premiê britânico, Boris Johnson, em foto de outubro de 2019 — Foto: Isabel Infantes/AFP ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.