quarta-feira , 21 outubro 2020
Home / Campo Grande / Jovem e alegre, Márcio ficou tetraplégico em acidente e agora vive sobre uma cama

Jovem e alegre, Márcio ficou tetraplégico em acidente e agora vive sobre uma cama

Crédito: Repórter Top

A família de Márcio Glei Dias, 35 anos, que ficou tetraplégico após um acidente de trânsito há cinco meses, no bairro Pioneira, pede ajuda da população. Sem receber INSS ou DPVAT, eles estão dependendo de doações de fraldas, remédios e pomadas em Campo Grande.

Ao TopMídiaNews, a irmã Ana Cláudia Dias, 39 anos, contou sobre o acidente. “Ele ficou 75 dia internado, perdeu massa encefálica, teve três paradas cardíacas. Ficou no CTI, entubado, teve convulsões, aí saiu, veio para casa, ficava uma semana aqui, uma semana no hospital. Agora ele ficou assim, em cima de uma cama, estamos vivendo através de doações, ele usa sonda, fraldas”, diz.

A dona de casa destacou, ainda, que a família não quer dinheiro, porém toda ajuda é bem-vinda. “No momento, precisamos mesmo de gases, pomada para assadura, que usamos toda vez que trocamos ele. Até reforcei para o pessoal, não queremos dinheiro, não queremos usar de má-fé. Queremos ajuda sim, mas o que o pessoal puder”, reforça.

A família mora na Rua Tucuruvi, no Jardim Monumento. Caso alguém tenha interesse em ajudar pode entrar em contato no (67) 9 9215-6138.

Por Nathalia Pelzl – Top Midia News

Veja Também

Com procura abaixo dos 30%, particulares retomam aulas do Ensino Médio em Campo Grande

O Colégio Adventista recebeu menos de 30% da capacidade de alunos do Ensino Médio. (Foto: ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.