Home / Esportes / Neymar admite esforço para se tornar mais comunicativo e diz: “Quero ser o melhor do mundo”

Neymar admite esforço para se tornar mais comunicativo e diz: “Quero ser o melhor do mundo”

Neymar falou depois de fazer sua estreia na temporada na vitória por 1 a 0 sobre o Strasbourg, na semana passada. E, nesta segunda-feira, foi ao ar mais uma entrevista com o craque brasileiro, que deu a entender que vê-lo falar se tornará cada vez mais comum. Ao jornal britânico “Mirror”, ele admitiu um esforço para se tornar alguém mais comunicativo.

– Eu não sou de falar muito, você sabe. Sou um cara muito reservado, guardo as coisas para mim. Mas chega num ponto em que eu acabo me frustrando, ficando nervoso, explodindo e não me comunicando da maneira correta. Estou tentando melhorar nisso – confessou ele.

Em seu retorno pelo PSG, Neymar fala após marcar na partida contra o Strasbourg

Em seu retorno pelo PSG, Neymar fala após marcar na partida contra o Strasbourg

No dia seguinte à premiação da Fifa que coroou Lionel Messi como o melhor jogador do mundo pela sexta vez, Neymar reforça o objetivo de sua carreira.

– Eu quero ser o melhor jogador do mundo. Simples assim – concluiu.

Neymar tem dois gols marcados pelo PSG nesta temporada — Foto: REUTERS/Emmanuel Foudrot

Neymar tem dois gols marcados pelo PSG nesta temporada — Foto: REUTERS/Emmanuel Foudrot

Veja outros pontos da entrevista de Neymar:

Erros na carreira

“Às vezes é difícil, porque você tem que ser sempre perfeito. E, como ser humano, é impossível. Eu fiz besteira diversas vezes, e recuperar toda a confiança que eu tinha tem um preço alto. Mas acho que falhar é normal para seres humanos, faz parte da vida. É com esses erros que você cresce e aprende”.

Confiança

– Confiança é uma das melhores características que você pode ter. Se você perder isso, você perde seu estilo, suas habilidades. Confiante, você pode arriscar coisas diferentes, e isso é muito importante no campo.

Lesão

– É o pior momento da carreira de um atleta. Tive duas lesões sérias e fiquei afastado do futebol por praticamente seis meses. Senti falta dos gols. Mas lesões fazem parte da carreira de um atleta, e eu tento me preparar para preveni-las. É importante manter a saúde mental enquanto você se recupera.

Por GloboEsporte.com

Veja Também

Jesus abre o jogo sobre Europa e diz três nomes do Flamengo que levaria consigo

O futuro de Jorge Jesus no Flamengo segue sendo incerto. Depois de rumores de uma possível aproximação do Everton, da ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.