Home / Mato Grosso do Sul / Polícia de MS investiga agressão de mulher à sogra de 82 anos

Polícia de MS investiga agressão de mulher à sogra de 82 anos

A Polícia Civil de Mato Grosso do Sul investiga um caso de agressão de uma mulher à sogra de 82 anos. Um vídeo recebido pelos policiais mostra as duas discutindo e a idosa sendo agredida. A nora diz que a vítima não vai mais bater nela e que ela pode sair do local.

A agressão aconteceu na casa onde a idosa vivia com o filho, a nora e os netos, no distrito de Nova Casa Verde, em Nova Andradina. Tudo na frente de três crianças. Ainda não se sabe a data exata do fato, mas a polícia recebeu a denúncia por parte de uma neta da vítima no último fim de semana.

De acordo com a delegada de Atendimento à Mulher, Daniella de Oliveira Nunes Leite, o que se sabe é o que mostra no vídeo e já se tem a identificação da suspeita e da pessoa que faz as imagens, que seria o filho da vítima.

Agora, o próximos passo é ouvir a vítima, a suspeita e o marido dela. “Primeiro vamos ouvir a idosa, para saber em que situação ela vivia. A gente não sabe realmente o que aconteceu antes e depois do que aparece no vídeo”. “Não sei se restaram lesões, se foi preciso atendimento médico”.

Depois de ouvir a idosa, a nora dela e o filho serão chamados para depoimento. “Precisamos saber se algo já aconteceu antes, saber como era o comportamento do filho”. A idosa saiu da casa da nora e agora está no sítio com outro filho.

Momento em que mulher agride a sogra de 82 anos em Nova Andradina, MS — Foto: Reprodução/TV Morena

Momento em que mulher agride a sogra de 82 anos em Nova Andradina, MS — Foto: Reprodução/TV Morena

Por G1 MS e TV Morena

Veja Também

Após abandonar camionete em lago, motorista pediu carona para fugir

Veículos logo após serem retirados do lago (Foto: Divulgação DOF) Um dos suspeitos de abandonar ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.