sexta-feira , 10 julho 2020
Home / Campo Grande / Sem máscaras e aglomeradas, pessoas ignoram pandemia por rodeio ‘clandestino’em Campo Grande

Sem máscaras e aglomeradas, pessoas ignoram pandemia por rodeio ‘clandestino’em Campo Grande


Pessoas aglomeradas, sem máscaras em plena pandemia do coronavírus. (Divulgação)

Nem o frio de sexta-feira (27) à noite foi capaz de manter as pessoas em casa, como deveriam ficar devido a pandemia do novo coronavírus e a aglomeração foi palco de um rodeio clandestino supostamente realizado em Campo Grande. 

Sem máscaras, vídeos mostram muita gente aglomerada, tomando cerveja e vivendo a vida como se não existe um vírus que contamina a população de forma rápida e já matou 71 pessoas no Estado e deixou 7 mil pessoas doentes com a Covid-19.

Imagens registradas na noite de sexta-feira mostram a festa realizada no rodeio ‘clandestino’, sem nenhuma confirmação de liberação de alvará pela Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente). Frequentadores marcam a localização da festa em Campo Grande pelas fotos e vídeos das redes sociais. Pelas publicações, as atividades têm acontecido pelo menos desde o fim de março, mês de início da quarentena.

A reportagem entrou em contato com a Semadur, que afirmou não saber da realização dos eventos e garantiu fiscalização do local aos finais de semana.  

De acordo com o secretário, Luiz Eduardo Costa, a prática de atividade esportiva é permitida, mas sem público. “Não pode ter eventos com público. Se fosse apenas a prática esportiva, sem público, respeitando o decreto de atividades físicas, eles poderiam sim praticar o esporte”.

Por: Renata Volpe e Evelin Cáceres / Midiamax

Veja Também

Gaeco cumpre mandados em Campo Grande com apoio do Bope e Choque

Viatura dos Bope em frente a imóvel no bairro Santa Emília, em Campo Grande. (Foto: ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.