Home / Campo Grande / Vandalismo em monumentos de Campo Grande gera revolta e tristeza

Vandalismo em monumentos de Campo Grande gera revolta e tristeza

Vândalos descaracterizaram dois monumentos na rotatória localizada no cruzamento das avenida Gury Marques e Interlagos, na Vila Dr. Albuquerque, em Campo Grande.  

A estrutura do maçom, inaugurada em 2005, simbolizando movimento e construção, lemas da organização maçonaria, e um dos quatro letreiros instalados, em 2019, em comemoração aos 120 anos de Campo Grande, foram os alvos do ataque.

Em suas redes sociais, Marquinhos Trad, lamentou o ocorrido. “ Muito triste diante deste ato de violência praticado contra nossa cidade, nada justifica esse tipo de atitude, é nossa obrigação zelar pela Campo Grande que amamos”, pontuou o atual prefeito de Capital.

Membro da Maçonaria, Francisco Ovelar, relata sua indignação. “O Símbolo da maçonaria que foi pichado, ao meu ver não incomodava ninguém, pois representa que o homem é dado ao trabalho e busca sua eterna perfeição, e assim não tem explicação ser o mais um alvo dessas pessoas, que gratuitamente destroem a beleza e a história de nossa cidade”.

Os letreiros em comemoração aos 120 anos da capital foram instalados, na Praça Ary Coelho, nos altos da Afonso Pena, em frente ao Shopping Campo Grande e nos canteiros da Duque de Caxias. O objetivo é reaproveita-los para os próximos aniversários da Capital, substituindo apenas o último dígito.

Por: Thais Libni / Correio do Estado

Veja Também

Fotos em celular acaba com mulher espancada por namorado em Campo Grande

(Arquivo, Midiamax) Fotos encontradas no celular de um rapaz de 23 anos acabou em briga ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.