Home / Campo Grande / Vídeo mostra trio em arremesso de ‘pombos’ para dentro da Máxima em Campo Grande

Vídeo mostra trio em arremesso de ‘pombos’ para dentro da Máxima em Campo Grande

Reprodução

Um vídeo mostra três homens durante um arremesso de drogas e celular ao Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande. Não há informações sobre a data do vídeo do arremesso dos “pombos”, como são chamados os embrulhos com drogas e celulares que são jogados ao presídio.

No vídeo aparece um homem que realiza os arremessos, um que segura uma sacola com os entorpecentes e outro que filma, no qual só aparece a sombra.

“Ó, ó, de frente com a muralha, na mão do Buguinho, pai. Vai lançar, ó, ó, foi o seu, dentro, eu vi. Foi o outro, um celular, tá indo a maconha, foi, foi. Se vê que nóis é malandragem c****. Quando é a hora a gente tá aqui pra apoiar, meu mano, quando não é, você tá ligado pô. Lança os brau, lança a maconha pô, bateu na grade, foi grade, vai lança, lança. Foi o pó dos caras”, diz durante os 12 arremessos que ocorrem ao lado de uma das guaritas. A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) informou que a Polícia Militar é responsável pela muralha.

Em nota, a PM informou que, de forma subsidiária, realiza a guarda externa do presídio, além de constantemente, rondas no entorno do complexo penitenciário visando coibir que crimes dessa natureza sejam cometidos.

Em dezembro deste ano foi noticiado imagens de um homem que utilizava o telhado da sede da Agepen para jogar drogas dentro de presídio feminino na região do Bairro Coronel Antonino. Também em dezembro, imagens que seriam de dentro da Máxima mostram ‘chuva’ de objetos sendo arremessados para dentro do presídio.

(Alterada para acréscimo de informações às 23h05 de 18/01/2021)

Por: Diego Alves / Midiamax

Veja Também

Para driblar blitz, homem com arma de airsoft tenta se passar por PM

Arma de airsoft que estava com o motorista. (Foto: Divulgação/GCM)CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS Durante blitz ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.